sexta-feira, 6 de dezembro de 2019

Pista de skate de São Bernardo será reaberta com a presença de Sandro Dias e shows

Redação

O Maior parque de esportes radicais da América Latina, o Parque da Juventude Città Di Maróstica (Avenida Armando Ítalo Setti, 65, Centro), em São Bernardo do Campo, será reaberto neste sábado (07), a partir das 9h, depois de completa reforma e modernização de seus espaços. A celebração ocorrerá também no domingo (08) e contará com diversas atrações, entre elas, estão a apresentação de atletas profissionais, como o skatista Sandro Dias, o Mineirinho, a 6ª edição do Arena Banks, que reúne os principais competidores do BMX, food trucks, além dos shows com Maneva, CPM 22, e a norte-americana Suicidal Tendencies, com entrada gratuita.

O Parque da Juventude de São Bernardo será reaberto neste sábado (7) | Foto: Gabriel Inamine/PMSBC

Para o prefeito Orlando Morando, a ampla revitalização do Parque da Juventude faz parte da grande transformação vivida pela cidade. “Com o apoio da iniciativa privada, remodelamos um equipamento público que não passava há anos por grande intervenção. A população ganha um novo parque, com espaço para pessoas de todas as idades: desde crianças e jovens que praticam as modalidades radicais como adultos e idosos que realizam suas atividades físicas”, afirma o chefe do Executivo.

Entre as atrações da festa de inauguração no sábado (07/12) está o salto de paraglider, com Rafael Goberna, especialista em acrobacia com parapente, apresentação de atletas profissionais de skate, BMX e patins nas pistas do skate park, street e half-pipe, entre eles, o skatista Mineirinho. Revelado no Parque da Juventude, o atleta conquistou diversos títulos ao longo de sua carreira como os ouros no X Games 2004, 2006 e 2007. Seu foco em manobras aéreas já proporcionou grandes momentos no esporte ao executar, com perfeição, o 900 – dois giros e meio no ar.

“Como morava em Santo André, esta pista foi fundamental na minha formação como skatista. Comecei a frequentar o espaço antes das grandes intervenções. Tive a oportunidade de andar nas pistas em todas as fases e enfatizo a importância de ver o parque se atualizando, acompanhando a evolução do skate. Fico muito feliz por fazer parte desta história”, comenta Mineirinho.

Outra importante reinauguração é a da parede de escalada. O espaço será reaberto por Felipe Camargo, o Pikuira, pentacampeão brasileiro e dono de um título sul-americano de escalada, na categoria Boulder. Um dos feitos deste atleta foi o de superar os 650 metros da Pedra Riscada (MG), um dos maiores paredões rochosos das Américas, ao lado da norte-americana Sasha Digiulian.

Além disso, haverá a 6ª edição do Arena Banks, que reúne os principais atletas do BMX. A competição ocorrerá neste sábado (16h às 21h) e domingo (17h às 21h). O evento contará com a participação de 16 competidores, entre eles, o atual campeão Cauan Madona, e Caio Souza, o Rabisco, ambos atletas da cidade. Haverá sessões livres para os praticantes de esportes radicais, tanto nas pistas quanto na parede de escalada e tirolesa (confira na programação ao fim do texto).

Shows 
Neste sábado (7), inspirado no Rei do Pop, Michael Jackson, o performer John Jackson animará o público a partir das 11h30, no palco interno. No palco externo, o Maneva se apresenta a partir das 17h, com o reggae que mistura influências de MPB, rock, jazz, dub e soul em suas composições. No repertório, aparecem faixas como "Saudades do Tempo", “Pisando Descalço” e “Daquele Jeito”. Haverá apresentação dos DJs Rodrigo e Lukz entre os intervalos.

Domingo será a vez do CPM 2, a partir das 13h. A banda de hardcore melódico apresentará seus principais sucessos com como “O Mundo Dá Voltas” e “Um Minuto para o Fim do Mundo”. Liderados pelo vocalista Mike Muir, os californianos da banda Suicidal Tendencies fecham as celebrações com o hardcore punk, às 17h. Durante os intervalos, os DJs Rodrigos e Lukz movimentam as pick-ups.

Modernização 
O Parque da Juventude foi fundado em 1982 e conta com 22.500 metros quadrados (m²). Nesta ampla reforma, as pistas de skate do Street Park sofreram alteração do traçado existente, atendendo a um layout olímpico. Houve tratamento da pista, com polimento e resina, inclusão de novos obstáculos e equipamentos, bem como reparo do gradil, revisão da iluminação e reforma do sistema de drenagem. O parque também ganhou uma pista de Dirt Jump, Espaço Pet, quadra de basquete de rua e nova academia ao ar livre.

Houve intervenções em outras áreas do parque. A reforma do Parque da Juventude foi financiada pelo Grupo NotreDame Intermédica, por meio de termo de compromisso firmado junto à Administração Municipal, sem custos para os cofres públicos. O acordo previu um investimento de R$ 3,5 milhões.

quinta-feira, 5 de dezembro de 2019

“Feirão Limpa Nome” do Serasa é prorrogado até 15 de dezembro

Redação

Para os consumidores que querem terminar o ano com suas dívidas atrasada e/ou negativadas quitadas, há mais uma oportunidade: a versão online do Feirão Limpa Nome do Serasa Consumidor  que foi prorrogada até 15 de dezembro, com condições especiais e descontos que podem chegar até 98%. Até o momento, mais de 1 milhão de consumidores já negociaram as dívidas que já somam mais de 1,6 milhão de acordos fechados. Isso representa um crescimento de 200% em relação ao último feirão.

Até o momento, mais de 1 milhão de consumidores já negociaram as dívidas, com descontos de até 98% | Foto: reprodução

Por falar em descontos, mais de R$ 4,5 bilhões já foram poupados no bolso do consumidor, indicando que as empresas parceiras da plataforma também estão abertas e querendo uma boa negociação para ambos os lados. As empresas parceiras são: Santander, Itaú, Recovery, Ativos, Net, Claro, Embatel, Anhaguera, Credsystem, Ipanema, Unopar, Sky, Nextel, Banco BMG, Digio, Hoepers, Porto Seguro, Tricard, Oi, Zema, Unic, Fama, Pitágoras, Uniderp, Unime. Todas elas com oportunidades exclusivas, prazos de pagamentos diferenciados. Além disso, quase a metade de todos os acordos feitos foram de 81% a 98% do abatimento do valor da dívida.

Segundo o gerente do Serasa Limpa Nome, Lucas Lopes, a ampliação da duração do evento é resultado de um ótimo trabalho e também do engajamento das pessoas em pagarem suas dívidas: “Prorrogamos o Feirão Serasa Limpa Nome por mais
alguns dias, por conta da grande busca das pessoas em quitar suas dívidas, neste fim de ano. Muito desse movimento se deve ao pagamento do 13° salário, além do saque do FGTS, impulsionando mais ainda a renegociação”, afirma Lopes. 

Segundo o gerente, a startup trabalha forte para conquistar mais 1 milhão de acordos até o término do mutirão: “Conseguimos negociar a prorrogação de prazo com os parceiros sem alteração dos 98% descontos concedidos. Para se ter uma ideia, 70% das dívidas foram pagas à vista nestes 30 dias de Feirão Serasa Limpa Nome. Isso mostra que as pessoas optaram por ter uma maior porcentagem de desconto em detrimento do maior prazo para esse pagamento. É a confirmação da nova consciência financeira do consumidor quanto os juros e a importância do evento na vida do brasileiro”, conclui.

Para os consumidores que não possuem acesso à internet as agências da Serasa localizadas nas cidades de Porto Alegre, Curitiba, Rio de Janeiro, Brasília, Belo Horizonte, Campo Grande, Salvador, Fortaleza, São Luís, Goiânia, Manaus, Bauru, João Pessoa, Porto Velho, Natal, Cuiabá, Recife, Londrina, São José do Rio Preto, Belém, Florianópolis e Vitória, estarão preparadas para receber consumidores e auxiliar nas negociações dentro do Serasa Limpa Nome.

Mapa da inadimplência    
Segundo estudo desenvolvido pela Serasa Experian, em outubro de 2019, o número de consumidores inadimplentes no País chegou a 63,9 milhões, 4% a mais do que em outubro de 2018, quando eram 61,7 milhões. O montante alcançado pelas dívidas até outubro de 2019 foi de R$ 254 bilhões, com o valor médio de R$ 3.993,00.     

A maior concentração dos negativados tem entre 26 e 40 anos (37,1% do total). Em segundo no ranking de participação entre os inadimplentes estão pessoas de 41 e 60 anos, que correspondem por 34,1% do total.

Questões de gênero, a inadimplência está dividida praticamente por igual:
48,3% são homens, e 46,7% são mulheres. A maioria das dívidas foi contraída junto aos setores bancários e de cartão de crédito, totalizando 28,4% do total. O setor de contas básicas, como energia elétrica, água e gás respondeu por 20,2% do total de débitos em atraso. O setor de varejo alcançou 12,7% do montante. Já o setor de telefonia respondeu por 11% da inadimplência. 

Inadimplência por região           
O estudo também mostra que, em outubro de 2019, a região com maior percentual de inadimplentes do País era a Sudeste, com 45,4% do total, seguida pela região Nordeste, com 24,6%. O Sul ficou em terceiro, com 12,7% dos negativados. A região Norte registrou 9,1%, seguido da região Centro-Oeste, com 8,2%.   

Trecho da Avenida Doutor Cesário Bastos está interditado para obras

Redação

A Avenida Doutor Cesário Bastos, na Vila Bastos, em Santo André, foi interditada nesta quinta-feira (5) entre a Praça Kennedy e a Rua Adolfo Bastos. A via ficará fechada neste trecho até 11 de dezembro, por conta da realização de obras. Neste período, os ônibus que passam pelo local serão desviados para a Avenida Lino Jardim e Rua Henrique Porchat, para acessar a Rua Adolfo Bastos.

Local ficará interditado até 11 de dezembro | Foto: Angelo Baima/PSA

No local será reconstruído e elevado um sarjetão (também conhecido como valeta), que são peças de concreto instaladas nos cruzamentos das vias para direcionar as águas da chuva. O objetivo é melhorar a fluidez dos veículos e preparar a via para posterior recapeamento asfáltico.

O sarjetão que será reconstruído fica no cruzamento da Avenida Doutor Cesário Bastos com as ruas Adolfo Bastos e Luis Delfino. As obras dão sequência a intervenções que a Prefeitura realiza na região, desde a última terça-feira (3), quando foi realizada a troca e reforço no solo da Avenida Doutor Cesário Bastos, entre a Rua Antonio Bastos e Praça Kennedy.

Grupo Verzani & Sandrini abre mais de 850 vagas para áreas operacionais

Redação

A Verzani & Sandrini, uma das principais empresas de segurança e facilities, está com 350 vagas temporárias e com 516 vagas fixas abertas. Todas as oportunidades são para a Grande São Paulo. Interessados devem acessar o portal da empresa e clicar na área Trabalhe Conosco. Os candidatos serão chamados pela companhia, de acordo com disponibilidade de vagas por região e aderência ao perfil das posições, e farão entrevistas presencialmente.

São 350 vagas temporárias e 516 vagas fixas, para atuação na Grande São Paulo | Foto: ABr

Segundo a empresa, as vagas temporárias são para um período de 30 dias e são fruto, principalmente, do aquecimento das vendas no comércio em função do período natalino. A geração de empregos fixos ocorre devido aos novos contratos da empresa, principalmente, com os setores de hospitais e shopping centers. De outubro a novembro, por exemplo, foram criados 908 novos postos de trabalho nas áreas operacionais, de acordo com o diretor de RH da Verzani & Sandrini, Paulo Marques.

“Este é um período em que, tradicionalmente, contratamos temporários, mas também coincidiu com um crescimento na oferta de vagas fixas em função de novos clientes e de aumento nas demandas dos clientes atuais. Nossa expectativa é preencher essas vagas nos próximos meses, o que pode ser uma oportunidade também para os temporários, que poderão ser contratados em função do bom desempenho”, comenta Marques.

Segundo levantamento feito pela Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC), este ano, a expectativa é que sejam criadas 103 mil vagas temporárias nas áreas de varejo e serviços, 43,8 mil postos a mais de trabalho em relação a 2018.

quarta-feira, 4 de dezembro de 2019

Mestre chinês de kung fu visita academia em Santo André

Da Redação 

O mês de dezembro é especial para os colaboradores e alunos da academia Li Fei Lin, em Santo André. Isso porque o local recebe a visita do mestre chinês e patrono da academia, o próprio Li Fei Lin, que veio ao Brasil para temporada de 30 dias a convite do proprietário da escola marcial, Luis Souza, conhecido como Shifu Luiz.

Primeiro contato entre mestre e alunos ocorreu na segunda-feira (3) | Foto: Divulgação 
A academia é especializada no ensino do kung fu tradicional e segue os conceitos transmitidos pelo mestre chinês. Li Fei Lin é herdeiro legítimo da linhagem do Taiji Tang Lang Quan e faz parte da 8ª geração da arte; Shifu Luiz, por sua vez, é discípulo de Li Fei Lin e é considerado membro da 9ª geração – Shifu iniciou na arte marcial aos 12 anos e atingiu esse posto após longos períodos de treinamento na China, junto ao patrono.
Shimu Cynthia Homa, mestre
Li Fei Lin e Shifu Luiz| Foto: Divulgação

O objetivo da visita é que os alunos da academia conheçam o mestre pessoalmente e adquiram os conhecimentos, tanto técnicos, quanto aqueles que envolvem princípios de vida. O primeiro contato entre alunos e mestre ocorreu na última segunda-feira (3) e a interação entre eles foi garantida pela presença de um intérprete.
A programação continua para os alunos da academia: neste domingo (8) pela manhã, o mestre ministrará palestra para os alunos graduados entre a faixa branca e verde; no período da tarde, os graduados a partir da faixa azul terão a oportunidade de participar de workshop com Li Fei Lin.

A academia Li Fei Lin fica na Rua Oratório, 1429, Parque das Nações, em Santo André. Tel.: 3439-9333 | Site: www.lifeilin.com.br.

Gabriel Maranhão é eleito presidente do Consórcio Intermunicipal Grande ABC

Da Redação


O prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão, foi eleito ontem (3), por unanimidade, presidente do Consórcio Intermunicipal Grande ABC. Maranhão presidiu a entidade regional em 2015 e agora assume a partir de janeiro para mais um mandato de um ano. A vice-presidência ficou com o prefeito de Diadema, Lauro Michels, que foi vice-presidente do colegiado em 2013, 2014, 2016 e por nove meses em 2017.

Prefeito de Rio Grande da Serra substitui Paulo Serra no cargo em 1° de janeiro | Foto: Angelo Baima/PSA

“O País passa por uma crise financeira que atinge também os municípios. Então, o trabalho consorciado, em uma integração entre os municípios, como é marca do Consórcio ABC, está cada vez mais em alta e deve ser valorizado. A união das prefeituras do Grande ABC traz maior força para lutarmos por mais investimentos para a região junto aos Governos Federal e Estadual. A atual gestão deixa um grande legado no fortalecimento da regionalidade e pretendemos manter esse perfil de união ao longo do próximo ano”, afirma Maranhão, que assume a presidência a partir de 1º de janeiro de 2020.

Durante a última reunião mensal do ano, os prefeitos receberam integrantes da MRS Logística e Secretaria Estadual dos Transportes Metropolitanos, que fizeram apresentações sobre o plano de melhorias da malha ferroviária que passa pelo ABC, incluindo a segregação dos trilhos com a criação de uma nova linha somente para cargas no trecho que corta a região.

“Essas intervenções darão mais eficiência para o transporte de produtos até o Porto de Santos, o que deve impactar em melhoria de Mobilidade Urbana e Meio Ambiente com a retirada de caminhões das ruas, além de melhorar a qualidade da linha 10-Turquesa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que ficará exclusiva para o transporte de passageiros”, afirma o atual presidente do Consórcio ABC e prefeito de Santo André, Paulo Serra, que encerra o mandato à frente da entidade regional no dia 31 de dezembro – o atual vice-presidente é o prefeito de Ribeirão Pires, Adler Teixeira-Kiko.

Os prefeitos também deliberaram sobre um documento a ser encaminhado ao Governo Federal pedindo mudanças nas regras do programa Médicos Pelo Brasil.

Santo André terá Hospital Veterinário Municipal

Redação

A Prefeitura de Santo André construirá um Hospital Veterinário Municipal, em uma área dentro do Parque Central. O anúncio foi feito pelo prefeito Paulo Serra, neste último domingo (1°), durante lançamento do programa Moeda Pet. O novo equipamento é uma reivindicação antiga da população.

Equipamento será construído dentro do Parque Central e deverá ser entregue em 2021 | Imagem: Divulgação/PSA

O hospital será instalado em uma área de 800 metros quadrados  (m²), ao lado da Sabina, e terá duas salas cirúrgicas, quatro consultórios, salas de pré e pós-cirúrgico, internação, sala de observação, ambientes como recepção, espera, solarium para cães e gatos, sala de cadastro de adoções, sala de reunião, administração, copa, laboratório, sala de coleta, expurgo, esterilização, banho e tosa.

"A causa animal é uma questão de saúde pública, além do amor pelos pets. Esse hospital era um desejo, planejamos e vamos tirar do papel. Vamos entregar mais um trabalho de excelência com este projeto. No primeiro semestre do ano que vem, devemos iniciar as obras e no ano seguinte o equipamento será entregue", afirma Serra.

Já a parte clínica do Hospital Veterinário Municipal oferecerá ainda ultrassonografia, ecocardiograma, radiologia, laboratório de análises e terá capacidade para oito cirurgias e 120 consultas por dia. Serão investidos cerca de R$ 2 milhões na construção do hospital.

Moeda Pet 
O Parque Central recebeu neste domingo a primeira edição do Moeda Pet, que foi realizada junto com a feira de adoção “Eu Amo, Eu Adoto!”, das 10h às 15h. O programa é uma iniciativa da Secretaria de Meio Ambiente, por meio do Departamento de Bem Estar Animal, e do Núcleo de Inovação Social, por meio do Banco de Rações.

O Moeda Pet prevê a troca de 1 quilo (kg) de garrafas plásticas por 1 kg de ração para cachorro ou gato (20 garrafas de dois litros ou 26 de um litro equivalem a 1 kg de ração). O ponto de troca é montado na tenda azul do parque. O munícipe pode levar a ração para casa ou fazer doação a ONGs que tratam da causa animal.


terça-feira, 3 de dezembro de 2019

Equipe de socorro da Ecovias faz parto na Via Anchieta

Redação

Nesta última segunda-feira (2), a manhã foi marcada por um fato atípico na rotina de trabalho dos socorristas da Ecovias. Por volta das 7h, a equipe estava nas proximidades do quilômetro (km) 18 da pista marginal da Via Anchieta, no sentido São Paulo, quando policiais militares da Força Tática entraram em contato pedindo apoio, para atendimento emergencial a uma mulher que estava em trabalho de parto, dentro da viatura.

O menino nasceu nas proximidades do km 18 da pista marginal da via Anchieta, no sentido São Paulo | Foto: divulgação

Com isso, a equipe - formada pelo técnico de enfermagem Fernando Luiz e pelo resgatista Cláudio Aluísio - iniciou os primeiros socorros e o parto aconteceu dentro da viatura. Nesse meio tempo, o médico da Ecovias, Benedito Amorim e o enfermeiro Gerson Claudino chegaram e prosseguiram com o atendimento.

Após o nascimento, os profissionais que prestam serviço para a concessionária levaram a mãe e a criança (um menino) para a ambulância e eles foram encaminhados ao Hospital Municipal Universitário (HMU), em São Bernardo do Campo. Ambos passam bem. O nome da mãe e do recém-nascido não foram divulgados.

A exclusão e o pancadão

*Por Fernando Rizzolo 

Uns anos atrás, escrevi um artigo sobre a repressão praticada pelos seguranças dentro dos shoppings centers em São Paulo, uma vez que não permitiam que grupos de jovens da periferia, que marcavam encontros chamados de “rolezinhos”, frequentassem os espaços dos shoppings.

Paraisópolis ao lado de prédios no Morumbi | Foto: C_Fernandes/Getty Images

O caso da invasão policial a um baile funk, do qual, segundo informações, participavam mais de 5 mil jovens, em virtude de uma perseguição dentro da comunidade de Paraisópolis, uma das maiores de São Paulo, com mais de 100 mil moradores, e que culminou com nove mortes numa verdadeira invasão policial tumultuada, denota o horror a que chegamos em termos de despreparo e impetuosidade policial em relação à população pobre deste país.

A grande verdade é que temos que olhar toda a situação de um ponto de vista que vai além do que realmente aconteceu, até porque ações policiais são necessárias em determinadas situações, mas é muito importante refletir não somente sobre o fato em si, que é, sim, de grande desproporcionalidade entre a atuação da polícia e o comportamento dos jovens pobres da periferia. O que vivenciamos hoje é a política do abandono total, na qual se nega qualquer chance de um futuro promissor aos jovens da periferia deste país, estigmatizados por viverem em uma comunidade, por serem negros, por serem pardos.

As vozes do planalto enaltecem a atuação militar, o desprezo pela desigualdade de oportunidades, o desemprego, a miséria e o superencarceramento em massa exatamente daqueles que são vítimas da falta do Estado no provimento do desenvolvimento do tecido social já tão desvalorizado, com 12,8 milhões de desempregados, 13,5 milhões de brasileiros ganhando menos que 145 reais e 12 milhões vivendo na extrema pobreza.

Para um jovem sem esperança, filho da miséria e do desemprego, viver numa comunidade é a única possibilidade, sendo que a grande maioria são famílias constituídas apenas pelas mães solteiras e seus filhos.

Nessa vertente desesperadora de exclusão, incluindo exemplos como os dos “rolezinhos” em shopping centers, já ficou provado que a única diversão para esses jovens são os chamados “pancadões”, embalados pelo funk.

A política do “ajuste fiscal”, da priorização do capital, da exclusão social que se agrava a cada dia, numa jangada perdida e sem rumo nos mares macroeconômicos, nos faz refletir sobre a deletéria influência das políticas socioeconômicas que passam pela liberalização de componente repressivo, como prisões abarrotadas e inspirações de cunho “excludentes de ilicitude”, levando ao excesso das ações policiais, reflexo puro e simples de uma política econômica inspirada na promoção da violência do Estado.

Para finalizar, poucos daqueles que apregoam a prisão em segunda instância se manifestam quando o problema é com o pobre, ou a periferia, estão, sim, cegos de vingança e sem emoção. Enquanto isso, jovens pobres morrem no chamado “pancadão”, sua única opção de diversão..

*Fernando Rizzolo é advogado, jornalista e mestre em Direitos Fundamentais.

Campanha “Fique Sabendo” promove conscientização sobre HIV e aids em Santo André

Redação

Com o intuito de sensibilizar e fazer um alerta para a prevenção e tratamento precoce contra o HIV, Aids e Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs), a Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Saúde, preparou uma programação especial que será realizada ao longo deste mês, na 12ª edição da campanha Fique Sabendo, que integram as ações do Dezembro Vermelho.

Os testes rápidos de HIV são realizados em todas as unidades de saúde de Santo André, durante todo o ano | Foto: Rodrigo Nunes/MS

A iniciativa tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância de se realizar exames para o diagnóstico e tratamento das doenças. Os testes, que são realizados em todas as unidades de Saúde de Santo André durante todo o ano, também serão disponibilizados nesta quinta-feira (5) na entrada do prédio A da UFABC (Av. dos Estados, 5001 – Bangú), das 18h às 21h, e no sábado (7) no Centro Médico de Especialidades  (Rua Xavier de Toledo, 517 – Centro), das 9h às 15h.

Segundo a coordenadora do Programa de Agravos Crônicos Transmissíveis de Santo André, Márcia Furquim, muitas pessoas têm o HIV, mas não sabem. “Estima-se que em Santo André existam, aproximadamente, 3 mil pessoas infectadas pelo vírus HIV sem o conhecimento, por isso a importância de campanhas como essa que visam estimular a população a realizar o teste para encaminhar os casos positivos ao tratamento em tempo oportuno. Os testes rápidos estão disponíveis para a população em todos os serviços da rede de atenção primária, hospitalar e rede de urgência e emergência”, explica.

Entre os anos de 2017 e 2019, foram diagnosticados 318 novos casos de Aids em Santo André, sendo que o ano de 2017 marcou o pico dos diagnósticos, com 160 casos confirmados.

Centro de Especialidades Referência em Infectologia 
Santo André tem um serviço de referência em infectologia há 27 anos, com os primeiros atendimentos iniciados no Centro de Saúde Escola de Capuava e, posteriormente, no período de 1992 até dezembro de 2018, funcionou no mesmo prédio da Unidade de Saúde Vila Guiomar.

Com a crescente demanda pelos atendimentos, bem como o número de profissionais, o serviço precisou ser transferido para um local mais amplo, com mais estrutura e segurança aos usuários. Assim, a partir de dezembro de 2018, passou a funcionar em um novo prédio na Rua Paulo Novais, 501, na Vila Vitória.

O Centro Médico de Especialidades possui um ambulatório de infectologia geral adulto e infantil que atende, em especial, os portadores de hepatites virais B e C crônicas, de HIV/Aids, além de integrar os atendimentos dos casos de tuberculose extra-pulmonar. O serviço também conta com o Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA), responsável por ofertar testes rápidos para sífilis, hepatites B e C e HIV, e dispõe de equipe de assistência às vítimas de abuso e violência sexual.

segunda-feira, 2 de dezembro de 2019

Bancos promovem mutirão para negociar dívidas

Redação com ABr

Começa nesta segunda-feira (2) a Semana de Negociação e Orientação Financeira, que ocorrerá até sexta-feira (6) em todo o País, organizado pelo Banco Central e pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban).

A "Semana de Negociação e Orientação Financeira" vai até sexta-feira (6) | Foto: Freepik

Durante o mutirão, parte das agências bancárias do Brasil, de sete instituições financeiras (Banco do Brasil, Banrisul, Bradesco, Banco Pan, Caixa Econômica, Itaú e Santander), terá o horário estendido até às 20h, para oferecer orientação financeira e negociar dívidas em atraso dos clientes, em condições especiais.

A negociação ainda poderá ser feita nas demais agências desses bancos, localizadas em todo o território nacional, no horário normal de funcionamento, nos canais digitais das instituições e pela plataforma consumidor.gov.br.

Segundo a Febraban, os bancos Votorantim e Safra também participam da iniciativa, somente por meio dos canais digitais.

Banrisul
O Banrisul informou que oferecerá desconto sobre o total da dívida e nos juros. Além do atendimento nas agências, o banco oferece o Portal de Solução de Dívidas, localizado em seu site, e por meio do aplicativo Banrisul Digital, na função Resolva Dívidas em Atraso. No portal do Banrisul, o cliente tem acesso ainda a orientações financeiras na área Crédito Consciente.

Banco do Brasil
O Banco do Brasil (BB) dará descontos de até 92% na liquidação de dívidas e oferecerá prazos que podem chegar a 120 meses, além de até 180 dias de carência. O banco também oferecerá, promocionalmente, taxas de juros até 14% menores para as operações de renegociação. Além das agências, o banco também oferece a opção de atendimento digital pelo Portal de Renegociação de Dívidas e pelo aplicativo do BB.

Bradesco
O Bradesco informou que participa do mutirão da dívida com prazos e taxas diferenciadas, de acordo com o perfil dos clientes. “O Bradesco vai participar da Semana da Negociação e Orientação Financeira, organizada pela Febraban e o Banco Central, oferecendo prazos e taxas diferenciadas para a renegociação de dívidas. As condições serão estruturadas, de acordo com o perfil de cada cliente. Vamos realizar intensiva comunicação com clientes potenciais. As Agências e canais de atendimento estarão preparadas para atender aos clientes com alçada para negociar eventuais sugestões de condições para a renegociação dos pagamentos”, diz a nota.

Caixa Econômica Federal
Segundo a Caixa, na renegociação do crédito comercial, os clientes podem quitar dívidas que estejam em atraso há mais de 1 ano, com até 90% de desconto para pagamento à vista, de acordo com as características da operação. Podem ainda unificar os contratos em atraso e parcelar em até 96 meses, realizar uma pausa no pagamento de até uma prestação vencida ou a vencer e efetuar a repactuação da dívida, com possibilidade de aumento do prazo.

As condições também englobam os contratos habitacionais. Uma das alternativas oferecidas compreende o pagamento de um valor de entrada e a incorporação do restante da dívida em atraso às demais prestações do contrato, permitindo que o cliente retome seu fluxo de pagamento mensal.
Para outro grupo de clientes, há possibilidade, após o pagamento da entrada, de fazer acordo para pagamento de uma prestação por mês na data de vencimento, durante três meses consecutivos. Após esse prazo, as demais prestações que ainda estiverem em atraso serão incorporadas ao saldo do contrato.

Para o cliente que tem saldo na conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS), outra opção é utilizar o recurso para reduzir a prestação em até 80% por 12 meses. Essa condição vale para clientes que apresentam até três parcelas do financiamento em atraso.

Segundo a Caixa, as condições variam de acordo com as características do contrato e o tipo de operação.

A renegociação também pode ser feita por meio do portal www.negociardividas.caixa.gov.br, via telefone e WhatsApp 0800 726 8068, nos perfis do banco no Facebook e no Twitter, APP Cartões Caixa, nos caminhões Você no Azul e nas agências. Na habitação, os clientes contam ainda com a possibilidade de renegociar a dívida pelo serviço Habitação na Mão do Cliente, nos telefones 3004-1105 (capitais), opção 7, ou 0800 726 0505 (demais cidades).

Itaú Unibanco
O atendimento no Itaú Unibanco ocorrerá nas agências, pelo site, aplicativo e na central telefônica. Segundo o banco, o cliente vai encontrar taxas reduzidas, a partir de 1,99% – nesse caso, para débitos com mais de 90 dias de atraso –, e prazo de até 30 dias para o pagamento da primeira parcela. Quem for pessoalmente renegociar pode obter desconto de até 90% nas dívidas com atraso superior a um ano; ter a opção de pagamento da dívida renegociada em até 6 vezes, com parcelas fixas; ou parcelamento, em até 60 meses do valor devido.

Santander
O Santander informou que a renegociação envolve descontos de até 90% no valor da dívida. Clientes com atrasos de até 60 dias terão reduções nas taxas de até 20%. Já para acordos com atrasos acima de 60 dias, dependendo do caso, os descontos serão de até 90% no valor total da dívida.

As condições especiais serão válidas para as modalidades crédito pessoal, consignado, capital de giro, conta garantida, Santander Master, descontos de recebíveis e cartão de crédito nos canais de relacionamento do banco (aplicativo, central telefônica, portal de renegociação e agências). No período da campanha, o Santander também manterá algumas de suas agências abertas até as 20h para o atendimento, com orientação financeira aos clientes.

Dívidas com bancos
Segundo levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), a maior parte das dívidas (53%) em aberto no País está ligada às instituições financeiras. Já o comércio responde por uma fatia de 17% do total de dívidas. O setor de comunicação foi responsável por 12% das pendências e as contas de água e luz, por 10%.